Abertura De Empresa Para MEI: Como Fazer De Forma Simples?

abertura de empresa para MEI

Como fazer a abertura de empresa para Microempreendedores Individuais (MEIs)?

Chega de dúvidas sobre a abertura de empresa para MEIs! Vamos explicar de maneira simples como é o processo para que você não precise se preocupar com nenhum tipo de irregularidade!

Nos últimos anos, vimos uma verdadeira onda de empreendedorismo tomar conta do mercado, afinal, muitos deixaram de esperar uma oportunidade cair do céu e resolveram ir atrás delas por si mesmos.

Contudo, nem sempre a oportunidade inclui um manual do que deve-se fazer para não entrar em uma verdadeira “fria” com o governo por conta da irregularidade das atividades econômicas realizadas.

Sendo assim, nós resolvemos ajudar os novos empreendedores a se formalizarem sem complicações, então, fique conosco até o final deste artigo e descubra como realizar a abertura de empresa para virar um MEI 100% dentro da lei!

Boa leitura!

Antes de mais nada, você pode ser MEI?

Antes de falar sobre a abertura de empresa, é necessário esclarecer quem pode ser MEI, então, veja os itens imprescindíveis a seguir:

  • Faturamento de até 81 mil reais por ano (ou 6750 reais por mês);
  • Não ser sócio, administrador ou até titular de outra empresa;
  • Ter no máximo um empregado (lembrando que ele deve receber o salário-mínimo ou o equivalente ao piso da categoria em questão);
  • Ser uma das atividades econômicas incluídas no Anexo XI da Resolução CGSN nº 140, datado de 22 de maio de 2018 (você pode conferir baixando o .pdf do Anexo XI no link).

Agora sim: como fazer a abertura de empresa para MEI?

Para fazer a abertura de empresa para MEI é simples e totalmente online, ou seja, você pode fazer no conforto da sua casa.

Para isso, siga os seguintes passos!

Viabilidade: avaliar antes de entrar num sonho que vira pesadelo

Antes de transformar um sonho em pesadelo, verifique a viabilidade do seu negócio, tanto em questões legais (se a sua localidade permite a realização do serviço ou a venda do produto que você pretende oferecer) quanto no que diz respeito de investimento e se o seu esforço terá um retorno que seja, de fato, rentável.

Se não tiver, faça o seu cadastro no site de serviços do governo

Se você nunca precisou recorrer ao site governamental, chegou a hora de realizar o seu cadastro para, dessa forma, poder prosseguir com a abertura de empresa.

Não se preocupe, é simples! Basta ter seus documentos em mãos e seguir para o tópico seguinte.

Abra o portal do empreendedor para a abertura de empresa MEI

Para terminar a abertura de empresa, clique em “formalize-se” e, após inserir as informações solicitadas (não esqueça de ter em mãos informações relevantes sobre o seu negócio, como o endereço onde suas atividades serão executadas), a inscrição no CNPJ, na Junta Comercial e no INSS são feitas de modo automático e imediato, emitindo o CCMEI (Certificado da Condição de Microempreendedor Individual), que dispensa documentos que impediriam a pronta realização dos seus serviços ou vendas (como o alvará de funcionamento).

Bônus: e depois?

Para não cair na irregularidade perante o Fisco, é necessário continuar zelando pela quitação dos impostos devidos e eventuais licenças que sejam indispensáveis para a sua atividade.

Para isso, não hesite em contatar um contador para te ajudar!

Se precisar de auxílio para abrir o seu MEI ou manter-se regularizado, clique agora mesmo no botão verde que aparece no canto inferior direito da sua tela e fale com um de nossos especialistas!

Classifiquei nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Posts Relacionados

Qual valor declarar no imposto de renda MEI

Qual valor declarar no imposto de renda MEI?

Existem três situações a considerar para saber qual valor declarar no imposto de renda MEI, visto se tratar dos rendimentos de pessoa física e de pessoa jurídica. Nesse sentido, o MEI poderá ter que entregar a DIRPF – Declaração de

MEI tem que declarar imposto de renda

Quem é MEI tem que declarar imposto de renda?

Quem é MEI deverá declarar imposto de renda se os seus rendimentos ultrapassaram o valor de R$ 28.559,70 no ano de 2021. Segundo a Receita Federal, a entrega da declaração do IRPF é obrigatória para MEIs, visto que são tidos

Declarar aluguel no imposto de renda

Declarar aluguel no imposto de renda: como fazer?

Para declarar aluguel no imposto de renda, o contribuinte precisa se atentar à fonte do recebimento, se é pessoa jurídica ou física. Isso porque essas variáveis interferem na maneira de preencher a declaração do IRPF, além de implicar na forma

imposto de renda prestação de serviço

Como declarar imposto de renda prestação de serviço?

Profissionais liberais e autônomos podem declarar o imposto de renda prestação de serviço referente aos rendimentos recebidos de pessoa jurídica e de pessoa física. Sendo possível, em alguns casos, deduzir despesas provenientes da atividade laboral, e assim, reduzir o valor

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
Ter um capital de giro é essencial para um restaurante…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top